28 de maio

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
6/09/23 às 15h10 - Atualizado em 25/09/23 às 16h40

Administração, MPDFT, CLDF e SSP se reúnem sobre a temática de pessoas em situação de rua

COMPARTILHAR

Administração participa de reunião com diversos órgãos do governo, para tratar da pauta de pessoas em situação de vulnerabilidade social. A reunião foi realizada na sede do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios, localizado na Praça do Buriti.

Na oportunidade, o deputado Thiago Manzoni abordou sobre a importância de criar políticas públicas sobre a temática. “Penso que não existe uma solução única, as Administrações e a Câmara Legislativa não conseguem  sozinhas, então estou aqui para tratar algumas soluções que podem ser tomadas. A minha vinda é um pedido de socorro”, disse o deputado. 

 “É um problema humanitário de direitos humanos e a solução virá por várias mãos, a comunidade e o Governo Local. A ideia é abrirmos o diálogo e colocarmos a Assistência Social e a Segurança Pública para buscar a solução sem violar os direitos humanos”, disse o Dr. Georges Seigneur, procurador-geral de Justiça do Ministério Público do DF (MPDFT).

“A gente que está na ponta pede socorro para administrar uma cidade como o Plano Piloto, com quase 200 mil pessoas. Nós estamos recebendo diversas reclamações e é uma situação muito complicada. Sabemos que é um problema social, mas os infiltrados acabam até mesmo ameaçando comerciantes e cidadãos. Precisamos dar as mãos enquanto poder público para encontrar uma solução cabível. Eu concordo que devemos dar continuidade com uma audiência pública para a participação efetiva da sociedade e dos órgãos governamentais”, disse o administrador do Plano Piloto, Valdemar Medeiros.


“Essa reflexão tem duas perspectivas, é uma questão social e também, sob outra perspectiva que se interliga, há uma ocupação entre eles. É uma luta que envolve o equilíbrio. Temos que buscar também alternativas para minimizar os crimes, mas sem atingir a dignidade das pessoas em situação de vulnerabilidade que não estão envolvidas em crimes”, disse o secretário executivo de Segurança Pública do DF, Alexandre Patury.

A reunião discutiu ideias para levar a temática a discussão e para que os órgãos envidem esforços para trabalhar em conjunto.

Estiveram presentes na reunião, o Deputado Thiago Manzoni, o Dr. Georges Seigneur, procurador-geral de Justiça do Ministério Público do DF (MPDFT); o senhor Alexandre Rabelo Patury, Secretário Executivo da Secretaria de Segurança Pública do DF (SSP/DF),  o promotor de Justiça e assessor de políticas institucionais do MPDFT, Ruy Reis, o Secretário de Relações Institucionais do MPDFT, Luiz Vieira e o chefe de Gabinete do Procurador- Geral do MPDFT, Nísio Tostes. 


Texto: Daniela Uejo
Fotos: Emanuelle Sena

Mapa do site Dúvidas frequentes