20 de julho

GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais GDF - Administrações Regionais
Maria da Penha ONLINE Governo do Distrito Federal
6/03/23 às 10h19 - Atualizado em 6/03/23 às 10h19

Tenha o documento em dia para evitar a apreensão do seu veículo

COMPARTILHAR

“Documento do carro e habilitação, por favor”. Quem já foi parado em uma blitz certamente ouviu essa frase da boca de um agente de trânsito. E, diante da falta do licenciamento, viu o próprio veículo ser levado para o pátio do Departamento de Trânsito do Distrito Federal (Detran-DF). Dados levantados pelo órgão apontam que 90% das remoções são motivadas pela ausência do Certificado de Registro de Licenciamento Veicular (CRLV).

A falta do documento levou 10.208 veículos para os pátios do Detran-DF, em 2022 – um crescimento de 7% em relação ao ano anterior, quando o número ficou em 9.540. Nos dois primeiros meses deste ano, no entanto, 2.312 veículos foram encaminhados aos depósitos da Asa Norte, Taguatinga e Gama pelo mesmo motivo, quantidade bastante expressiva para o período.

Também conhecido como Certificado de Licenciamento Anual (CLA), o CRLV é um documento de porte obrigatório para transitar nas vias públicas. Para obter a licença, é preciso efetuar o pagamento das obrigações anuais do veículo, como IPVA, taxa de licenciamento e multas de trânsito.

“O CRLV comprova a regularidade do veículo para circular nas vias, sobretudo nos momentos de abordagem e em situações de acidentes”, destaca o diretor de Policiamento e Fiscalização do Detran-DF, Wesley Cavalcante. “Temos verificado um grande número de automóveis sem esse documento que, por infringirem a legislação, são removidos aos depósitos.”

Nas operações, os agentes de trânsito têm exigido o documento de 2022. O CRLV de 2023 passará a ser cobrado a partir de outubro. “É muito importante que as pessoas observem os prazos de pagamento das multas, da taxa de licenciamento e do IPVA, não deixando para a última hora”, alerta Wesley. “Assim, o condutor não precisará correr para resolver alguma pendência, arriscando ficar sem a documentação obrigatória.”

O documento do veículo pode ser acessado pelo portal de serviços do Detran-DF (Detran Digital) ou pelo aplicativo Detran Digital, disponível para celular. O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) define como infração de trânsito gravíssima conduzir veículo que não esteja licenciado. Além da remoção do automóvel para o pátio do Detran-DF, o motorista recebe 7 pontos na carteira e multa no valor de R$ 293,47.

 

Foto: Geovana Albuquerque/Agência Brasília

Mapa do site Dúvidas frequentes